AF4250E0-806B-427A-A925-88720B0F5D98

“Farei o som, só uma brincadeirinha, vamos nos divertir muito, mas quem quiser chegue cedo, pois só ficarei até às cinco da tarde, pois às seis estarei julgando os concorrentes do Famus”, palavras de Pierre quando se comprometeu em fazer a folia no charmoso e aconchegante La Pança, onde o público curte semanalmente artistas locais, como Fabiano Djuamba e Leo Pretto, por exemplo.

Uma das vozes mais bonitas do Brasil e também compositor de lindos clássicos do axé, épicas canções que continuam na memória e nos corações daqueles que tiveram o prazer de curtir os antigos carnavais e micaretas. O que Pierre escreveu e cantou é eterno, e por isso novos públicos e plateias continuam sendo formados.

O ambiente estava cheio aguardando o artista, todo mundo chegou cedo, os convidados de Alan e Aline cumpriram o horário, Pierre também. Ele chegou pela Rua da Granja, estava ao lado do amigo e excelente guitarrista Adriano Gama, antes de adentrar o espaço recebeu das mãos de Barbosinha, do Executivos, um brinde especial, uma lembrança que levava no recipiente a marca do bloco que concentrava os foliões antes de partir pro desfile na Sorveteria Recreio, em frente ao Capitulino Teles, na Praça da Escola Normal.

O ex-cantor do Olodum, do Afrodisíaco ao lado de Jau, hoje carreira solo e compõe o projeto paralelo, Os Autorais, junto com Tenisson Delrey e Jorge azarar já subiu ao palco cantando e registrou um belíssimo momento no La Pança, que a partir de novembro terá o seu espaço ampliado.

Pierre retornará em breve, não demora não, enquanto isso, curtam as fotos que nos foram enviadas pelos realizadores.