0016

Ontem pela manhã recebi ótimas notícias de D. Edi Teles. Já deixou o hospital. Está bem, tranquila. Descansa em Salvador ao lado de alguns filhos. São muitos. Quase um quarto de século. Foram ao todo 21.

xxxx

Todo mundo gente boa. A prosa também. Ninguém vai no ônibus. Sobre isso, depois explico para quem não sabe.

xxxx

Falando em meio de transporte, encontrei na Olivia Flores pedalando Sérgio Coelho, compondo um grupo de entusiastas pelo ciclismo. Foi de longe. Mas Vadinho Barreto estava no meio.

xxxx

Ainda sobre D. Edi, ao telefone ouvimos sua voz. Ela trocou palavras com Ricardo, o Corujão. Acompanhei tudo pelo viva voz.

xxxx

Continuei com os Teles. Na Rua da Granja encontramos, eu e Ricardo com mais dois irmãos: Carlos e Luciano Teles. E o papo rolando, cada vez melhor. Chegamos ao futebol, depois a política. Para o grupo ficar completo chegou outro irmão: Eduardo. Trocamos ideias, falamos do ontem, do hoje e do amanhã.

xxxx

Citamos Orlando Leite, Fernando Spínola, Raul Ferraz. Lembramos de Pedral, Murilo, Tião e Jadiel. Claro, os nomes de Guilherme, Zé Raimundo, Nonô e Odir fizeram parte da conversa. Passamos por Joás, Fabrício, Alexandre e Guto. A caderneta foi fechada com eles dois: Onildo e Jaymiltinho.

xxxx

Nayana Gusmão, preparada, estudiosa, tem no sangue a veia política. É filha de Djalma Gusmão, ex-prefeito de Cordeiros. Disputa o cargo novamente. Nayana faz parte do Grupo Independente. Estão apertando a menina. Seu nome retorna para uma pré-candidatura à prefeitura de Conquista.

xxxx

Hoje no início da manhã encontrei-me com Jaymiltinho Gusmão no escritório da COOPMAC. Ele continua festejando o sucesso do coquetel de lançamento da Exposição 2016. Tudo fruto das chuvas que caíram sobre nossa cidade e região nos últimos dias.

xxxx

As tentativas que os amigos fazem para que Jaymiltinho permaneça com o seu nome no tabuleiro da sucessão municipal tem sido em vão. Jay não fica indiferente, ao contrário, agradece honrado a lembrança. Até porque não partiu apenas de amigos, mas de forças políticas constituídas e com densidade capaz de fazê-lo gestor da cidade.

xxxx

“Não, não posso. Não devo. Não deixam”. Como bom filho e bom esposo, ele tem assegurado aos familiares que já declinou do convite definitivamente. “Vou cumprir o meu mandato aqui na cooperativa. Nós da diretoria temos um compromisso com o nosso associado”. Afirma o presidente.

xxxx

Mas como tudo só define após o carnaval, vamos aguardar.

xxxx

As articulações continuam. Todo mundo conversando com todos. E todos fazendo a mesma coisa com todo mundo. Até o que parecia improvável já está acontecendo. Guilherme e Nonô já estão trocando figurinhas. Se depender da torcida acontece a unidade. Jânio Freitas, militante histórico do PT, não só torce por uma candidatura única, mas afirma que vão caminhar juntos com Zé Raimundo.

xxxx

Muita coisa já não tem muito que fazer. Vem de Salvador tudo pronto: O DEM vai apresentar o nome do vice para compor com Herzem. E quem vai brincar com ACM Neto e Gedel Vieira Lima?

xxxx

O PMDB é o mais tranquilo. Tem em Herzem o candidato melhor pontuado. Herzem olha tudo, ouve tudo e nada fala. Acredita no que construiu até agora. Só piscando o olho pra Marcelo e Marcelo pra ele.

xxxx

Dizem que Arlindo apostou errado. Teria investido na sua candidatura pelo PSDB para buscar um vice junto a Herzem. Por conta própria ou estimulado por João Gualberto?

xxxx

Armênio Santos vem costurando sua candidatura na periferia. Ao lado do vereador “gente boa” Herminio Oliveira ele vem fazendo sua via-crúcis, caminhando por todos os bairros. Tem muita fé na sua vitória. Já pousou com o Bispo Dom Pepeu a quem se apresentou como candidato.

xxxx

E a Rede? A Rede vem se constituindo na novidade das próximas eleições. Criteriosos, os fundadores do partido de Marina são seletivos ao admitir os filiados à sigla. O grupo está preparando uma lista de bons candidatos a vereador. Vai ter candidato a prefeito.

xxxx

Arlindo Rebouças, segundo dizem, foi ousado na sua decisão. Convenceu Zé Maria Caires, Gilmar Ferraz, Carlos Gentil, Rafael Nunes, Nora, Ivan Cordeiro, Bibia e mais uma dezena de militantes que o seu nome é a cara dos tucanos.

xxxx

Marcelo Melo está de olho nisso tudo. Teria perguntado a Arlindo, em voz baixa, durante o lançamento da Exposição 2016: “Arlindo, eu já montei em bicicleta sua?”.