IMG-20220208-WA0017

Na foto o jovem advogado e chefe do Gabinete Civil da prefeita Sheila Lemos, Lucas Dias, aparece ao lado do colega de profissão e amigo Rafael Nunes, os dois estavam presentes na visita que o ministro João Roma fez à Vitória da Conquistsa no último dia 04/02. Na oportunidade os empresários e entidades que foram responsáveis pela vinda do ministro ouviram da autoridade uma série de elogios, citando a gestora conquistense como “uma política articulada, que não para de nos procurar para resolver os problemas históricos da cidade”, disse o pré-candidato ao governo da Bahia.

Em áudio gravado e enviado para a nosso conhecimento, o professor e historiador, ex-secretário de Educação, dirigente de outros cargos públicos importantes no nosso município refere-se a prefeita como “a nova líder da política de Conquista, mulher, é Sheila, não só de Conquista, é também da Bahia, Massa. Veja uma coisa: Pedral foi o maior líder político da história de Conquista, o seu nome continuará para todo o sempre. No entanto, o seu nome ficou limitado ao nosso município, embora toda a Bahia soubesse dele, ele não se importou em dar dimensão a sua marca, ao contrário de Sheila, com um ano de governo já se destaca como uma liderança feminina muito forte na cidade e já começa a se firmar como influenciadora regional”, diz Durval, autor de diversas obras sobre a história de Conquista.

Perguntei ao chefe de Gabinete da prefeita Sheila Lemos o que ele acha disso tudo e Lucas Dias me respondeu: “falo como colaborador da prefeita, com quem estou todos os dias acompanhando seu trabalho e também como observador. A prefeita é muito inteligente, ela tem dado exemplo que sabe lidar com as situações. Ela é muito decidida, muito tranquila nas suas decisões, não impõe nada, discute tudo e sabe agir com sabedoria. A cidade está satisfeita com a liderança da prefeita”.

Sheila Lemos de Andrade assumiu o cargo de prefeita após o falecimento do prefeito Herzem Gusmão. De forma definitiva Sheila é a primeira prefeita eleita de Vitória da Conquista, lembrando que não foi a primeira a assumir o cargo, antes dela, a sua mãe, Irma Lemos, tomou posse no cargo, mesmo que por um curto período, mas assumiu. Portanto, a nível de registro, foram as duas, mãe e filha, as únicas mulheres a assumirem o cargo de prefeita eleita no município de Vitória da Conquista.

Apenas para registrar, Margarida Oliveira fora eleita ao lado de Pedral, só que nunca sentou na cadeira principal do casarão da Praça Joaquim Correia, o colega de chapa, o líder J Pedral não lhe dera a chance.