ponte-jan-2020-21

Fizemos em nosso blog de forma despretenciosa uma matéria sobre a situação política em Ilhéus, e na mesma colocamos números hipotéticos que nos foram passados por um interlocutor via telefone.
Ocorre que constamos na matéria os percentuais atribuídos a três candidaturas quando não deveria fazê-lo, porque os números não eram oficiais, não estavam registrados junto à Justiça Eleitoral. Portanto, cometi um erro, mesmo que involuntário.
No último dia 08/09/2020 lemos em um blog da cidade de Ilhéus que a juíza Raquel Ramires, daquela cidade, estava nos condenando a retirar de circulação a referida matéria, sob pena de sermos punidos conforme prevê a lei.
Não fomos citados oficialmente, mas de imediato retiramos a matéria das páginas do nosso blog, ao tempo que pedimos desculpas a Justiça Eleitoral e também a todos que se sentiram prejudicados. Reiteramos que não tivemos nenhuma intenção de influenciar no resultado da eleição da cidade de Ilhéus, até porque o nosso blog não exerce nenhuma influência junto aos leitores daquele município.
Fica, portanto, os nossos pedidos de desculpas.