IMG_20200903_115932_compress86

Os dois trazem um assunto que está na ordem do dia no cenário mundial, embora o futebol tenha dado muita visibilidade aos negros, principalmente àqueles que chegaram ao topo, alcançando vultuosos salários e sendo destaque na mídia internacional.
Tem também os que sofrem com o preconceito, às vezes dos próprios irmãos de cor como, por exemplo, os jogadores do Bahia, clube preferido do público baiano e principalmente dos soteropolitanos, moradores da cidade, cuja população é 80% negra.
Pior é a história de Barbosa, goleiro do Brasil na Copa de 50, que foi considerado o único, ou principal, culpado pela derrota para o Uruguai em pleno Maracanã, que recebeu o maior público da sua história: mais de 150 mil pessoas.
Ademar Oliveira Cirne Filho é Historiador, Mestre em Ensino das Relações Étnico Raciais, e Lucas Gabriel Ladeia é Advogado, Mestrando em Direito, e dividirão a bancada do nosso programa hoje às 19h, na Transamérica 100,1.