9A980F72-6B9D-4D0A-AB0D-363E620D94D6

A capital baiana está tomada de turistas, a rede hoteleira festeja a ocupação dos seus leitos, os bares e restaurantes faturam alto neste verão e Salvador apresenta-se como o principal destino, e é natural que continue assim até o carnaval. 

Não faltam opções musicais, e a Bahia com a sua pluralidade consegue agradar aos vários estilos. O Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM) recebeu no final da tarde de ontem um público saudoso querendo reviver os antigos carnavais e curtir a ótima música do grupo a Cor do Som que continua vivo no coração e na cabeça de todos. Liderado por Armandinho, o grupo fez o público relembrar grandes sucessos contando com a generosidade de uma linda lua que se expunha no céu.

Antes disso, um lindo sol já se escondia ao som de Moraes Moreira que cantou os principais hits da sua longa carreira repleta de lindas canções. Moraes foi aplaudido e contou com um público que cantou todos os seus sucessos.

Desde cedo os ingressos estavam esgotados, as pessoas chegavam e voltavam decepcionadas, todos queriam matar a saudade. Nem os cambistas dispunham de ingressos que eles mesmos chegaram a vender a R$250,00, quando o valor original foi R$100,00.