Foto: Blog do Anderson

Foto: Blog do Anderson

Nem de longe a equipe do Vitória da Conquista foi o que a torcida esperava na sua estreia dentro de casa em jogo válido pelo campeonato baiano de profissionais.
Em Salvador o time se deu bem, venceu de virada a equipe do Atlântico por 3 x 1, entusiasmando sua torcida que esperava uma apresentação convincente e, consequentemente, uma vitória para vislumbrar uma classificação antecipada para as finais da competição.
Nada disso aconteceu, ao contrário. Foi um time apático, sem definição, salvo nos primeiros 5 minutos quando deteve a posse de bola. Sofreu um gol, foi envolvido pelo Vitória. Este sim, sem ser espetacular, mas mostrou possuir um bom toque de bola e partiu pra cima com jogadas objetivas. O segundo gol surgiu depois de uma interpretação equivocada do bandeirinha que marcou fora da área uma bola interceptada pelo zagueiro do Bode. A bola foi penalty, claro. Para o Vitória pouco importou, a falta foi convertida em gol, o segundo que definiu o placar final.
Washington, o Coração Valente, treinador do time e principal contratação da equipe, vai se debruçar e procurar descobrir o motivo de tanta apatia dos seus comandados. As emoções estão apenas começando. “Aguenta, coração!”